Páginas

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

QUANDO A MANHÃ RENASCER

Quando a manhã renascer
das cinzas da noite passada
e os galos tenores
quebrarem o silêncio da madrugada
[ com seus cantos em lá maior ].
acordarei os pássaros
e encomendarei uma sinfonia
para inaugurar o sol do teu dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário