sexta-feira, 27 de abril de 2012

SIDERAL


Sob a luz tênue e singela
deste quarto sem tempo
( gálaxia noturna)
os meus olhos circudam
a orbita dos teus seios
cálidos e rosados
que parecem duas luas
protuberantes e belas.

domingo, 8 de abril de 2012

EXERCÍCIO

Nesta noite de céu clareado
e de silêncio na varanda,
quero deixar marcados
na arquitetura sensual
dos teus seios morenos
vestígios claros e obscenos
de minhas mãos.

VESTÍGIOS I

Os ventos trazem vestígios de tua presença na rua salpicada de sol, enquanto a tarde prenhe de pássaros e cantos desperta o sono do...