Páginas

sexta-feira, 3 de abril de 2009

RELEMBRANDO OS GÊNIOS



Vinicius de Moraes foi dramaturgo, diplomata, poeta e compositor de expressão nacional e internacional. Faleceu no Rio de Janeiro em 1980. Seu primeiro livro," O caminho para a Distância," juntamente com o segundo," Forma e Exegese" fazem parte hoje de inúmeras antologias dedicadas ao poeta.
Foi um sonetista admirado. Na música com Tom Jobim, marcou um período aureo da MPB, produzindo sucessos que atingiram o gosto de apreciadores musicais de todas as partes do mundo.
É tido como dos corifeus da Bossa Nova. Vinicius de Moraes foi um gênio da poesia e da música.

Um comentário:

  1. Oi Julio,
    lindo seu Blog

    Adoro Vinicius.

    É um dos melhores ( se não o melhor) entre os inumeros sonetistas. "Soneto de Véspera" é único e sublime
    bjs

    ResponderExcluir