Páginas

sábado, 31 de janeiro de 2015

TEOREMA

A geometria do teu rosto
( belo e sereno )
é proporcional
ao brilho dos teus olhos
êpa, o meu poema
virou teorema?

Nenhum comentário:

Postar um comentário