Páginas

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

PRESO

Estou prisioneiro
do tempo
as horas encarceraram
o meu silêncio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário