Páginas

quarta-feira, 29 de abril de 2015

VÁCUO



O silêncio rompendo  a inquietude da cidade
praças desertas  em dias de abandono
espantam   a celebração dos pássaros
 ruas  sombrias e esquecidas
ajudam as horas a cansar o tempo
enquanto outono  borda  o chão
com as cores das folhas caídas
meu olhar vislumbra tudo isso e segue
e esse acontecer vácuo  me persegue!

Nenhum comentário:

Postar um comentário