Páginas

terça-feira, 28 de abril de 2015

O MENINO E O VELHO


Faz tempo que havia dentro deste velho
 um menino cheio de animo e que tinha o mundo como um desafio
 este menino coava o inverno quando as chuvas
 molhavam a superfície  do rio
 encantava pássaros nas manhãs plenas de verão
 colhia polens de flores para fertilizar a lavoura da tarde em floração
 E o menino pensava que as palavras poderiam mudar o mundo
 mas incorreu em enganos
 foi devorado pelo capitalismo selvagem
 esquizofrênico e desumano
 e o que restou  daquele menino cheio de esperança
 foi este velho silencioso,amargo e cansado
revolvendo  os ácidos escombros do passado.

Um comentário: