segunda-feira, 27 de abril de 2015

TRAVESSIA


Estou atravessando o rio do meu tempo
e nem sei  se conseguirei  alcançar
a outra margem
 ninguém tem certeza disso
nem mesmo a vida me dá esse crédito
mesmo assim  continuo nadando, nadando
para ver se encontro do outro lado rio
a aurora de minhas memórias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DE SOMBRAS E TEMPO

Essas sombras margeando as trilhas dessas galaxias subterrâneas, as horas limando as moléculas do tempo deprimem o instante seminal enqua...