quarta-feira, 8 de maio de 2019

DIA DAS MÃES

Na primeira vez que te vi senti, nos desvãos de minha alma, que serias uma grande mãe. E não me enganei. Durante todo esse tempo, mais de quatro décadas, que andamos pelos caminhos da vida, atravessando, rios, lagos e mares, escalando montanhas, pisando em cardos e urzes, tens sido, Judite, a força que nos tem alimentados de animo para vencer as contendas neste mundo pantanoso, onde os tentáculos do mais cruel e mais desumano materialismo tentam, todos os dias, nos abarcar. Tens sido,amor, a bussola que nos tem norteados em todos os momentos da vida. Eu sou grato a ti e meus filhos e netos também.Tens inspirado, com teus gestos prontos, a poesia deste pobre poeta, garimpeiro de luas e luares e contra-mestre dos sonhos. Feliz Dias das Mães, Judite!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A MULHER DO SONHO

Eu a vi. Era uma mulher andando no meu sonho vestida de sol e caminhava pisando em musgos e liquens encrustados nas pedras do caminho. Le...