Páginas

sábado, 9 de janeiro de 2016

O CONSTRUTOR DE SOL

Um homem pensou em construir um sol. Ele confidenciou a um amigo. Assustado o amigo falou:- Construir um sol? Que dislate é esse meu amigo. Ninguém constrói sol. Jamais Deus o criador do mundo e do sol foi imitado. O único instrumento que tinha relação com o sol e que as astrofísica criou foi um enorme espelho para refletir a luz solar, servindo como arma de defesa, mas só isso. Agora você vem com essa ideia. Então o pretenso construtor de sol falou: -Meu amigo, você sabe que sou poeta e poeta pode tudo. Poeta cria verão em pleno o inverno, transforma a primavera em outono, colhe uvas fora da estação, cria amores que nunca conheceu e outras coisas mais. Tens matéria prima para essa realização, indagou o amigo já quase chegando a pilhéria. E o poeta inventor respondeu:- Por enquanto tenho em vista apenas duas matérias primas. Penso em construir os raios com o brilho dos olhos da mulher amada e o calor com o fulgor de mil mãos de mães na hora de acalentar seus filhos. Mais tarde pensarei em outras matérias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário